"Multiplica os teus olhos para verem mais.
Multiplica os teus abraços para semeares tudo."
Cecília Meireles

quinta-feira, 10 de junho de 2010

Turno da Tarde - Terceiro dia de apresentações

Concurso Contadores de Histórias Julia Gabrieli - 2010

Os alunos do Quinto Ano fizeram suas apresentações em dois horários, nesta quinta-feira. No início do turno, as salas 01 e 02 ouviram as histórias contadas por Sarah, Sophia e Vitória.

Sarah Lavine Costa Lopes (sala 02 – Professora Marilda) contou todas as quarenta e quatro páginas da belíssima história Romilda e Margarida (Kit Literário de 2009), reproduzindo na sua voz a prosa poética de Eduardo Bueno e Lízia Bueno.

Todos já sabem o quanto Sophia Helen Costa de Oliveira (sal 02 – Professora Marilda) gosta de Charlie e Lola! Este ano ela contou Eu não quero dormir agora de Lauren Child com direito a torcida e tudo.


A disputa do Fogo e da Chuva para conquistar a princesa Abena, livro do Kit de Literatura Afro-brasileira de 2010, enviado a todas as bibliotecas escolares da Prefeitura de Belo Horizonte, foi contado por Vitória de Souza Vieira (sala 01 – Professora Meire). A plateia pode ouvir O casamento da princesa de Celso Sisto. A apresentação de Vitória foi registrada por sua madrinha.



Após o recreio ... o Quinto Ano finalizou suas apresentações.


O primeiro a contar foi Natan Andrade de Jesus (sala 12 – Rosângela) que apresentou a todos o conto popular Muito Capeta. Acompanhado de perto pela irmã que gravou tudo. Tivemos também a presença de sua mãe.

Em seguida, Layla Camila Roberta Moreira (sala 12 – Professora Rosângela) apresentou a versão de Jean Angelles para O contador de histórias, garantindo a atenção da plateia com seu jeito todo peculiar de contar histórias.

Finalizando, Ana Carolina Borges Souza (sala 11 – Professora Mônica Guanaes) contou uma história de sua autoria: O lenhador. O cenário para sua história foi criado por sua mãe, que esteve presente na apresentação.

Registramos, ainda, a presença da mãe de Vitória. Do pai e da avó de Ana Carolina. E claro, não podemos deixar de comentar que a irmãzinha, de quase três anos de idade, de Ana Carolina esteve presente e prestou bastante atenção nas histórias contadas. Toda a plateia e o Natan constataram que ela estava atenta! Na hora em que o aluno contava a história Muito Capeta, a irmãzinha de Ana Carolina disse: “[...] é a história do diabo!”

Foi com certeza, um dia muito divertido no Concurso Contadores de Histórias Julia Gabrieli !







Nenhum comentário: