"Multiplica os teus olhos para verem mais.
Multiplica os teus abraços para semeares tudo."
Cecília Meireles

sexta-feira, 1 de abril de 2011

Abril - Poema de Luiz de Miranda

ABRIL

Luiz de Miranda



Quero tudo em abril

o que é doce e juvenil

na mão de uma menina

em breve alucina

é o amor que se declara

presença matutina

em quem antes não amara


Quero amar em abril

mais do que em março

assim a voz da paixão

é onde coloco o abraço


Quero tudo em abril

o sonho vem logo abrir

o que em mim era pueril

para o canto fazer-se ouvir

entre as ruas da cidade


Quero tudo em abril

do feliz aniversário

ao amor ordinário

da namorada cheirosa

que seja rosa e morada

luz aberta na madrugada


Quero tudo em abril

as forma de ser gentil

o que nunca é servil

o que serve só ao Brasil

toda rima em il

que nunca será febril

pois nunca é noite em abril



MIRANDA, Luiz de . Livro dos meses. São Paulo: FTD, 1997. (Coleção falas poéticas)


Nenhum comentário: