"Multiplica os teus olhos para verem mais.
Multiplica os teus abraços para semeares tudo."
Cecília Meireles

sexta-feira, 19 de agosto de 2016

A leitura, entre a biblioteca e a escola com Jorge Larrosa- Convite recebido


Clique na imagem para ampliar

Adendo - Regulamento do Concurso Contadores de Histórias Julia Gabrieli 2016


Abaixo publicamos um Adendo ao Regulamento do Concurso Contadores de Histórias Julia Gabrieli 2016, para proporcionar melhores condições de participação. As demais regras continuam sem alterações.  


Regulamento do Concurso Contadores de Histórias Julia Gabrieli

Adendo


  1. Alunos (as) dos anos iniciais (1º e 2º anos):
  • A turma apresentará coletivamente uma história podendo utilizar os mais diversos recursos sonoros e visuais. A história poderá ser lida em voz alta; cantada; apresentada com a utilização de fantoches ou outros objetos; apresentada parcialmente ou integralmente por apenas um aluno (a) com a participação ou não dos demais alunos (as) durante a apresentação.
  1. O período de inscrição fica alterado para: 12 a 23 de agosto de 2016 durante o horário de funcionamento da biblioteca em cada turno.
  1. O calendário de apresentação  terá  início no dia 29 de agosto de 2016.  

     Belo Horizonte, 19 de agosto de 2016.



sexta-feira, 12 de agosto de 2016

Pai na Literatura - Mural Comemorativo ao Dia dos Pais

Clique na imagem para ampliar

Para comemorar o Dia dos Pais, preparamos um mural na entrada da Biblioteca. Nele estamos divulgando vários títulos do acervo que destacam a figura do pai. É o Pai na Literatura. Quer conhecer ou reler algumas das obras?! Só passar na Biblioteca para conferir a lista abaixo:

 
AGOSTINHO, Cristina. Pai sem terno e gravata. (Coleção passe livre). Editora Nacional
BLOCH, Pedro. Pai, me compra um amigo? Editora Ediouro

BRENMAN, Ilan; TERRA, Ana. Pra cama hoje não! Editora Jujuba

CASTRO, Ruy. O pai que era mãe. Editora Brasiliense

COELHO, Ronaldo Simões. Macaquinho. (Série chuvisco). Editora Lê

CORENTIN, Philippe. Papai! Editora Cosacnaify

COSTA, Wagner. Quando meu pai perdeu o emprego. (Coleção veredas). Editora Moderna

HOGAN, PAULA Z. Papai nunca mais voltará para casa? (Série sempreviva). Editora Ática

LIMA, Edy. Pai sabe tudo e muito mais. Editora Scipione

NUNES, Carlos Jorge. Pode pai? Editora Formato

PACHECO, Marcelo. Paieê! Editora Quinteto Editorial

RAMOS, Mario. Já pra cama, monstrinho! Editora Berlendins & Vertecchia

VIANA, Vivina de Assis. O dia de ver meu pai. Editora Formato 

quinta-feira, 23 de junho de 2016

A pior princesa do mundo de Anna Kemp


Indicação de Leitura





A pior princesa do mundo escrito por Anna Kemp, ilustrado por Sara Ogilvie, tradução Marília Garcia, Editora Paz e Terra.

“Soninha é uma princesa nada convencional. Cansou de ficar num castelo esperando pelo príncipe encantado e não acha nada animador o mundo de contos de fadas [...]. Ela quer mesmo é partir em busca de aventuras e se divertir montada num dragão". Ela quer brincar e arranjar amigos bem diferentes!

Este livro faz parte do Kit Literário 2015 que está disponível inicialmente para uso dos professores da nossa Escola. 


quinta-feira, 16 de junho de 2016

Festa Junina 2016


A Família do Rezendinho está animada para o melhor forró da redondeza!Os murais juninos ficaram lindos demais!!!  

"Êita forró bom !!!


Clique na imagem para ampliar


O mural informativo está dando água na boca!
 São receitinhas bem fáceis para você preparar.
Lembrando que as crianças precisam de ajuda 
dos adultos, para evitar acidentes na cozinha. 



Clique na imagem para ampliar


Sabe quais receitinhas estão no mural?!

Tem receita de cocada, publicada no livro Culinária afro-brasileira de Antonio Jonas Dias Filho e Márcia Honora, ilustrado por Lie A. Kobayashi, Coleção Africanidades, da Editora Ciranda Cultural. 

Delícia de bolo de fubá cremoso do livro Poemas e comidinhas de Roseana Murray e Chef André Murray, ilustrado por Caó Cruz Alves, Editora Paulus.

Outro doce bem gostoso é o doce de abóbora, uma receita tradicional da nossa culinária brasileira. A receita faz parte do livro de Rosana Rios, Um quadro na parede e doce de abóbora no tacho: uma história para ler e saborear, ilustrado por Ciça Fittipaldi, Editora Studio Nobel.  

E no livro Fogãozinho escrito por mãe e filho, Maria Stella Libanio Christo e Frei Betto. Ilustrado por Regina Rennó, publicado pela Editora Mercuryo Jovem, escolhemos duas receitas: tronquinhos e quadradinhos gostosos. Os tronquinhos são feitos com doce de leite e chocolate ... Hummm!!! E os quadradinhos gostosos? Quer saber como são feitos? Passe para ver o nosso Mural, que fica afixado ao lado da entrada da Biblioteca. Ou aproveite para conhecer alguns destes livros !!!  

E ainda colocamos algumas dicas, o "Preste atenção", do livro Fogãozinho. Não deixe de ler!
  

Clique na imagem para ampliar


Olha, a nossa mascote, o Rezendinho de sanfoneiro, animando nosso "arraiá"! Venha comemorar conosco, porque junho é mês de quadrilha com muita música bonita, brincadeiras e comidinhas saborosas !

E viva o mês de junho com muito forró!!!


terça-feira, 14 de junho de 2016

Regulamento do Concurso Contadores de Histórias Julia Gabrieli 2016


Regulamento do Concurso Contadores de Histórias Julia Gabrieli- 2016

I- Objetivos

  1. O presente regulamento tem o objetivo de estabelecer as normas de inscrição, seleção e premiação de alunos contadores de histórias que participarão do Concurso Contadores de Histórias Julia Gabrieli.
  1. Os objetivos do Concurso Contadores de Histórias Julia Gabrieli são:
  • Despertar o gosto pela leitura literária;
  • Possibilitar aos alunos participantes deste projeto, a oportunidade de se expressar oralmente em público;
  • Revelar novos contadores de histórias;
  • Estimular a fantasia nas crianças que assistem a contação;
  • Encorajar a troca de experiências entre contadores e ouvintes;
  • Ativar a atenção de quem ouve, a memorização e a criatividade de quem conta;
  • Incorporar nos alunos e às práticas escolares o ato de contar e ouvir histórias.

          II- Organização

  1. A Biblioteca Cecília Meireles da Escola Municipal Maria de Rezende Costa é a responsável pela organização do Concurso Contadores de Histórias Julia Gabrieli.

  1. São parceiros da Biblioteca na execução do Concurso: Os professores; Coordenação Pedagógica e a Direção da Escola.

          III- Participação

O Concurso Contadores de Histórias Julia Gabrieli destina-se aos alunos matriculados na Escola Municipal Maria de Rezende Costa.


  1. Alunos (as) dos anos iniciais (1º e 2º anos):

  • A participação dos alunos se dará através da inscrição coletiva da sala pelo professor referência de cada turma. A proposta é uma mostra de histórias contadas de formas variadas.
  • Cada turma inscrita deve escolher uma história da tradição oral ou literária (conto, lenda, fábula, mito ou “causo”), que tenha sido publicada em livro.
  • A turma apresentará coletivamente uma história podendo utilizar os mais diversos recursos sonoros e visuais. A história poderá ser lida em voz alta; cantada; apresentada com a utilização de fantoches ou outros objetos.

  1. Alunos (as) do 3º ano ao 6º ano :

  • Cada aluno interessado em participar do Concurso deve escolher com a ajuda ou não dos professores uma história da tradição oral ou literária (conto, lenda, fábula, mito ou “causo”), que tenha sido publicada em livro.
  • O aluno poderá utilizar recursos sonoros e visuais para realizar a contação de histórias. Entretanto, lembramos que não se trata de uma apresentação teatral com utilização de fantoches.
       
        
           IV- Preparação

  1. O período a partir da divulgação deste Regulamento até a data de inscrição dos participantes será destinado à preparação dos alunos pelos professores e orientações da Biblioteca aos candidatos.

          V- Eleição do representante (3º ano ao 6º ano) e Inscrição (1º ano ao 6º ano)
  1. O professor referência (3º e 4º anos) e o professor da disciplina Língua Portuguesa (5º e 6º anos) deverão eleger um aluno candidato a contador de histórias, escolhido pelos colegas de classe para representar sua sala.

  2. Após a eleição do aluno este deverá ser inscrito pelo professor. A inscrição será realizada na Biblioteca Cecília Meireles, o professor fornecerá o nome do aluno candidato selecionado e o nome da história que será contada.

  3. Para os alunos do 1º e 2º anos, o professor referência irá inscrever a turma (número da sala) indicando o nome da história e a forma que será apresentada.

  4. Não será permitida a inscrição de uma história mais de uma vez. Portanto, fica valendo sempre o primeiro título inscrito de uma história para ser contada em cada turno, conforme solicitado nas edições anteriores do Concurso.

  5. O período de inscrição será: 12 a 18 de agosto de 2016 durante o horário de funcionamento da biblioteca em cada turno.


        VI- Apresentação e avaliação do candidato e turma (1º e 2º anos)

  1. O calendário de apresentação será divulgado pela Biblioteca Cecília Meireles e comunicado aos participantes do Concurso, com início previsto para 22 de agosto de 2016.

  2. A turma (para 1º e 2º anos) e o aluno (para 3º ao 6º ano) farão sua apresentação respeitando o calendário divulgado pela Biblioteca, para demais alunos e professores conforme programação do Concurso. Será avaliado por jurados convidados (professores, contadores de histórias, servidor, funcionário etc.).
  1. Quesitos que serão avaliados pelos jurados:
  • Expressão oral do aluno contador (uso adequado da palavra falada: tom e volume de voz, pausas, velocidade, respiração, vocabulário e pronúncia);
  • Expressão corporal do aluno contador (uso adequado do movimento do corpo: postura, gestos e expressão facial);
  • Coerência (história apresentada com início, meio e fim);
  • Envolvimento com o público (se o candidato ou a turma conseguiu prender a atenção da plateia);

  • Apresentação (desenvoltura em apresentar a história);

  • Envolvimento de toda a turma (quesito apenas para 1º e 2º anos);

  • Criatividade na dinâmica para apresentação (quesito apenas para 1º e 2º anos).

  1. A pontuação de cada candidato ou turma (1º e 2º anos) será computada, através da soma de todos os conceitos atribuídos pelos jurados, para cada quesito, conforme informado abaixo:

  • R = Regular (correspondente a 70 pontos)
  • B = Bom (correspondente a 85 pontos)
  • O = Ótimo (correspondente a 100 pontos)

  1. Os candidatos a contador de histórias serão classificados entre seus pares ou seja respeitando o ano em que o aluno está cursando, podendo se apresentar ou não com candidatos de outros anos.


          VII- Divulgação
  1. A Biblioteca Cecília Meireles utilizará o mural da Biblioteca e o blog (http://bibliotecaceciliameireles.blogspot.com) para divulgar informações sobre o andamento do concurso.
       
         VIII- Premiação

  1. As turmas (1º e 2º anos) e os alunos candidatos a contador de histórias (para 3º ao 6º ano) serão premiados por sua participação com certificados emitidos pela Biblioteca.

        IX- Disposições finais

  1. A inscrição no Concurso Contadores de Histórias Julia Gabrieli implica na aceitação de todos os itens deste regulamento.
  2. É vedada a participação de alunos não matriculados na Escola Municipal Maria de Rezende Costa.
  3. Os casos omissos serão decididos pelos responsáveis pela organização do Concurso.


Belo Horizonte, 14 de junho de 2016.


sexta-feira, 6 de maio de 2016

Homenagem às mães


Este ano, o Rezendinho, a mascote da nossa Biblioteca utilizou as novas tecnologias para expressar o seu amor por sua querida mamãe, Dona Maria. 

Rezendinho enviou uma mensagem utilizando um aplicativo no celular depois de autorizado por seu pai, o Senhor Costa.

Ele escolheu um trecho de um poema de Mario Quintana, escritor que Rezendinho gosta muito.

Veja como ficou!!!

Clique na imagem para ampliar


Aproveitamos a mensagem para homenagear todas as mães da nossa Escola! 
Parabéns, mães biológicas, de coração,  de criação ...
Realmente, mãe é apenas menor que Deus!!!


Clique na imagem para ampliar